Novidades Literárias: O Casamento e Mister O

18 setembro 2017

novidades literárias
Oi amores tudo bem?
Quem ai ficou só olhando o Instagram nas últimas semanas? Deve ter reparado que a Faro Editorial fez uma ação linda do livro O Casamento, enviando bottons para seus parceiros. Eu recebi o meu essa semana, mostrei lá no Instagram e no Facebook.
E não é apenas esse livro que temos de novidade, Mister O, também está por ai.
o casamento

O Casamento

Todos esperavam por uma festa inesquecível...

Victor Bonini

Para os noivos é o dia mais importante de suas vidas. Meses atrás, os amigos diriam que o namoro de Plínio e Diana tinha prazo de validade. Eles se conheceram de um jeito bizarro, pensam completamente diferente e nenhuma das famílias aprova o relacionamento. Mas eles resistiram a tudo. E agora vão se casar. Para o detetive é a melhor chance de pegar um criminoso. O mais íntegro dos convidados esconde um segredo devastador. Mas alguém sabe e está disposto a espremê-lo com chantagens. É então que o detetive Conrado Bardelli se hospeda no hotel-fazenda onde ocorrerá o casamento. Ele precisa descobrir o lobo entre as ovelhas. E rápido. Pois, a cada nova ameaça, o chantagista eleva o tom e falta pouco para a bomba explodir. O casal está pronto para o sim. A noiva se prepara para caminhar pelo tapete vermelho. Até que alguém diz: não saia do carro! Enquanto a plateia espera ansiosa em frente ao altar, algo brutal acontece na antessala. Só quando veem as paredes lavadas com sangue é que os convidados se rendem ao desespero. Começa uma confusão para interromper a marcha nupcial e chamar a polícia. Ninguém sabe o que fazer. E Bardelli, que lidava com um caso de extorsão, descobre que se meteu em algo muito pior. Agora, ele é o único capaz de encontrar respostas. O problema é que as mortes não param de acontecer...

E tem também uma novidade bem legal de Mister O, a Editora usou frase de resenha de cinco blogues na contracapa do livro, então aguardem que logo compartilho com vocês a surpresa.
-> Siga o Blog nas redes sociais e fique mais pertinho da gente ? FacebookInstagramTwitterYouTubeBaixe o Aplicativo para celular In The Sky
Helana O'hara
Sobre o Autor "Sou tímida, quem diria, e me sinto desconfortável no meio de muita gente. Não sei ter relações meramente sociais: fico amiga ou não fico nada, o tititi mundano está acima de minhas capacidades. Adoro estar nos lugares, olho tudo, sou curiosa, gosto de ouvir o que as pessoas dizem, mas, quando elas são muitas, eu preferia ser uma mosca.” {Danuza Leão} Petites + In The Sky + Dave Grohl + James Franco + Anna Friel + Ryan Gosling + Música + Cinema e louca por livros! {www.epetites.blogspot.com.br} {www.intheskyblog.blogspot.com.br} Bem vindo sempre!

Resenha: Momo e o senhor do tempo, Michael Ende

17 setembro 2017

Resenha de Livro

Por Elaine Moreira

Um livro lido em duas partes. Um intervalo de 3 anos até o término e o desespero nesse período por não saber o que aconteceria. Um fato inédito na minha vida e que acho que só contribuiu para que eu amasse ainda mais cada palavra impressa naquelas páginas, Momo e o Senhor do tempo me marcou de várias formas. É aquele tipo de livro com personalidade e que mesmo assim não é tãaao famoso, de modo que é uma cartada na manga na hora de uma conversa inteligente com troca de boas referências literárias.
A trama é atemporal e extremamente poética, delicada. Uma trama de palavras que formam um lindo texto/tecido.
WhatsApp Image 2017-09-14 at 03.17.50 (1)

Momo e o Senhor do Tempo

Ou a extraordinária história dos ladrões de tempo e da criança que trouxe de volta às pessoas o tempo roubado.

Michael Ende
O tempo é um enigma que intriga crianças e adultos que ainda não desaprenderam de se maravilhar com aquilo que parece evidente. A história de Momo se passa num reino de fantasia situado no nada e em lugar nenhum, ou numa região sem tempo. Não é uma história de príncipes, princesas e fadas. Seu contexto se inspira totalmente na vida atual.
Momo é uma garota órfã que surge em uma pequena cidade, tão comum que poderia ser qualquer lugar do mundo, em qualquer período de tempo.
Momo é especial, tem um dom. O de ouvir as pessoas.
Sim. Pare para pensar. Você sabe ouvir? Tem um amigo com esse dom?
O de reconhecer o momento em que deve se calar e prestar atenção ao outro? Geralmente no dia a dia estamos tão afoitos por repassar informações que mal percebemos que nem paramos para ouvir e nem somos ouvidos. Cada vez é mais comum sair com os amigos e não largar o celular. Estamos praticamente programados para fazer gestos de cabeça e murmurar alguns "Uhumms" e "sério" automaticamente enquanto conferimos as notificações das Redes Sociais.

Mailbox Belas Letras

15 setembro 2017

mailbox
Hey amores tudo bem?
Hoje trouxe para vocês um pacotinho lindo que recebi da Belas Letras. Além dos livros, chegou também muitos marcadores, muitos mesmo! Pedi eles, por causa da Feira do Livro  Vou fazer uns mimos bem legais e os marcadores vão contribuir para isso!
mailbox belas letras02
Eu solicitei Amor à Moda Antiga do Carpinejar, e a Elaine escolhei Anjos do Tempo. O livro do Carpinejar é lindo, todo em verde água. E Anjos do Tempo, parece ser uma leitura excelente, quero ler ele também, já que o livro é inspirado em música, pensa que divino?!?

Amor à Moda Antiga Fabrício Carpinejar

amor à moda antiga02amor à moda antiga01
Em seu aniversário de 43 anos, Fabrício Carpinejar ganhou de presente uma velha máquina de escrever Olivetti Lettera 82 verde-esmeralda. Desde esse dia, ele se dedica a escrever nela poemas de amor e a guardá-los como um inventário de seus sentimentos e emoções ao longo de sua carreira. Pela primeira vez, a Belas-Letras publica esses poemas exatamente como os originais foram enviados à editora, em maços de papel despachados pelos Correios, sem nenhum tipo de correção ortográfica, edição ou retoques, inclusive com as próprias anotações à mão feitas pelo próprio Carpinejar. Todos os textos de Amor à Moda Antiga (inclusive este) foram originalmente escritos em máquina de escrever. O resultado é um livro orgânico, singelo e apaixonadamente imperfeito, exatamente como o amor é.

Três livros que dariam boas adaptações.

13 setembro 2017

top5
Oi amores tudo bem?
Hoje trouxe uma listinha para vocês, aquelas que a gente tanto gosta.
Quem nunca sonhou em ver o livro favorito no cinema, ou servindo como inspiração para uma série de televisão? Acho que todo mundo. Muitas pessoas tem a sorte que gostar de livros que são adaptados. Já outros não tem essa sorte.
Pensando nisso, e claro, olhando minha estante, selecionei para vocês três obras que adoro e gostaria muito que tivesse suas adaptações, suas histórias são maravilhosas, bem escritas, criativas e quem sabe um dia né?
adaptações04
Quero que vocês me falem nos comentários, livros que gostaram que fosse adaptados.

- Reconstruindo Amelia, Kimberly McCreight

adaptações03
Kate Baron, uma bem-sucedida advo­gada, está no meio de uma das reuniões mais importantes de sua carreira quando recebe um telefonema. Sua filha, Amelia, foi suspensa por três dias do Grace Hall, o exclusivo colégio particular onde estuda. Como isso foi acontecer? O que sua sensata e inteligente filha de 15 anos poderia ter feito de errado para merecer a punição?
Sua incredulidade, no entanto, vai aos poucos se transformando em pavor ao deparar, no caminho para o colégio, com um carro de bombeiros, uma dúzia de policiais e uma ambulância com as luzes desligadas e portas fechadas.
Amelia está morta.
Aparentemente incapaz de lidar com a suspensão, a garota subiu no telhado e se jogou. O atraso de Kate para chegar a Grace Hall foi tempo suficiente para o suicídio. Pelo menos essa é a versão do colégio e da polícia.
Em choque, Kate tenta compreender por que Amelia decidiu pôr fim à própria vida. Por tantos anos, as duas sempre estiveram unidas para enfrentar qualquer problema. Por que aquele ato impulsivo agora?
Suas convicções sobre a tragédia e a pró­pria filha estão prestes a mudar quan­do, pouco tempo depois do funeral, ela recebe uma mensagem de texto no celular:
Amelia não pulou.
Alternando a história de Kate com registros do blog, e-mails e posts no Fa­cebook da filha, Reconstruindo Amelia é um thriller empolgante que vai surpreender o leitor até a última página.
Gosto de falar que Reconstruindo Amelia é muito melhor que Os 13 Porquês. A história de Amelia é forte, pois não trata apenas do bullying propriamente dito, mas fala de como as decisões e pessoas que conhecemos influenciam em nossa vida. E claro, a questão que fica no ar o livro todo “Amelia tirou a própria vida ou mataram ela?”
Com certeza daria uma excelente adaptação.

Resenha: F*ck Love, Tarryn Fisher

10 setembro 2017

Resenha de Livro
Oi amores tudo bem?
Não sei como começar o texto de hoje, comecei e ler F*ck Love sem pretensão alguma e a história de Helena arrebatou meu coração  em todos os sentidos, fiquei até motivada em nem desistir de uma pessoinha ai.
Bem, não sei se a resenha vai agradar vocês. Quando gosto demais de um livro, tenho certa dificuldade em colocar para fora o que acho dele.
De qualquer forma, o livro é MUITO BOM.
fuck love07

Fuck Love - Louco Amor Tarryn Fisher

Helena Conway se apaixonou. Contra sua vontade. Perdidamente. Mas não sem motivo.Kit Isley é o oposto dela desencanado, espontâneo, alguém diferente de todos os homens que conheceu. Ele parece o seu complemento. Poderia ser tão perfeito... se Kit não fosse o namorado da sua melhor amiga. Helena deve desafiar seu coração, fazer a coisa certa e pensar nos outros. Mas ela não o faz... Tentar se afastar da pessoa amada é como tentar se afogar. Você decide fugir da vida, pulando na água, mas vai contra a natureza não buscar o ar. Seu corpo clama por oxigênio sua mente insiste que você precisa de ar. Então você acaba subindo à superfície, arfando, incapaz de negar a si mesma essa necessidade básica de ar. De amor. De desejo ardente. Você pode pensar que já viu histórias parecidas, mas nunca tão genuínas como essa. Tarryn, a escritora apaixonada por personagens reais, heroínas imperfeitas, mais uma vez entrega algo forte, pulsante, que nos faz sofrer mas também nos vicia. Depois dela, todas as outras histórias começam a parecer como contos de fadas. Se você não quer se viciar, não leia a primeira página.
Edição: 1
Editora: Faro Editorial
ISBN: 9788562409998
Ano: 2017
Páginas: 288
F*ck Love, é um livro lindo. Fisicamente e literalmente. A diagramação dele está belíssima, um trabalho gráfico bem feito, usando rosas como plano de fundo. O livro possui 288 capítulos, dividido em 48 capítulos mais o Epilogo. E todos eles com títulos em hashtag, mais atual e divertido impossível.
Outro ponto importante, não é um romance erótico, é um New Adult maravilhoso de se ler.
fuck love03
Helena é uma jovem estudante de artes, ela tem um namorado Neil e sua melhor amiga Della namora Kit. As cosias mudam quando Helena sonha que Kit  diz que eles precisam ficar juntos, um sonho como se fosse premonição. Existe alguma coisa naquilo tudo que a incomoda. E quando ela se dá conta está apaixonada pelo namorado da melhor amiga.
É possível isso?
Helena tenta evitar ao máximo encontrar com Kit, a situação toda é ridícula para ela, Della é sua melhor amiga e tudo pode ser coisa da cabeça dela. Mas não é assim.
As situações fazem com que eles se cruzam, é inevitável a aproximação deles. Por mais que isso seja como bons amigos, Della nota que existe uma atração entre eles e o ciúme começa a brotar na moça.
Notando que a situação pode sair do controle, Helena toma uma decisão, se muda para outra cidade e assim fica longe de Kit, longe de Della. Ela não quer que as coisas piores e assim acha que pode evitar algum problema. A mudança não é fácil, lidar com o turbilhão de emoções dentro de si é um desafio.
Quando Helena acha que “resolveu” o problema, ele aparece na sua frente novamente, fazendo com que ela repense o amor, a paixão, amizade que existe entre ela e Della.
Vale a pena abrir mão do amor? Vale a pena fugir para não causar problemas? Ou bater de frente com tudo e ver no que vai dar? Helena tem esses desafios e outros e precisa saber o que fazer com eles.