Resenha: As Violetas de Março, Sarah Jio & Hangout

21 abril 2013

Oiee amores tudo bem?
Nada que um domingo com resenha de livro, não é mesmo?
A resenha de hoje é de um livro que gostei muito. Um livro que me deu vontade de começar a ler novamente, logo após que li a última página.

Ah e não poderia deixar de mencionar a simpatia e delicadeza de Sarah Jio, acompanhei o Hangout dela durante a semana e foi muito legal, no final da resenha tem o vídeo para vocês assistirem o bate papo também.

IMG00186As Violetas de Março -  Sarah Jio

Emily Taylor é uma mulher jovem e escritora de sucesso, mas não gosta muito de seu próprio livro. Também tem um casamento que parece ideal, no entanto ele acabará em divórcio.Sentindo que sua vida perdeu o propósito, Emily decide fazer as malas e passar um tempo em Bainbridge — a ilha onde morou quando menina — para tentar se reorganizar.
Enquanto busca esquecer o ex-marido e, ao mesmo tempo, arrumar material para um novo — e mais verdadeiro — livro, um antigo colega de escola e o namorado proibido da adolescência tornam-se seus companheiros frequentes. Entretanto, o melhor parceiro de Emily será um diário da década de 1940, encontrado no fundo de uma gaveta.
Com o diário em mãos, Emily sentirá o estranhamento e a comoção causados pela leitura de uma biografia misteriosa que envolve antigos habitantes da ilha e que tem muito a ver com sua própria história.
Assim como as violetas que desabrocham fora de estação para mostrar que tudo é possível, a vida de Emily Taylor poderá tomar um rumo improvável e cheio de possibilidades.
Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581632223
Ano: 2013
Páginas: 304
Tradutor: Ronaldo Luis da Silva

 Bem, não sei exatamente por onde começar. Acho que essa resenha será uma das mais difíceis que vou escrever em todo esse tempo de blog.

A sinopse do livro já nos trás detalhes importantes da história. Emily é uma escritora jovem, bonita que até então achava que seu casamento era estável e que tinha uma boa vida, até que seu ex-marido Joel a troca por outra mulher.
Emily se vê meio perdida, cheia de dúvida e o mais importante, de acordo com sua melhor amiga Annebelle, ela não chorou e precisa fazer isso.
Emily então resolve passar um mês na ilha de Bainbridge onde passava as férias quando menina.
Chegando no lugar ela se depara com sua tia Bee e um montão de recordações que a rematam a um tempo gostoso da vida.
IMG00189
Até que ela descobre no criado mudo de seu quarto um diário de veludo vermelho que faz toda sua vida mudar.
Emily é transportada para a década de 40, lá ela conhecer Esther, dona do diário, seu grande amor Elliot, suas melhores amigas Frances, Rose, Billy e todo um acontecimento que poderá mudar sua vida no presente.
Emily então começa a ler o diário, curiosa para saber como aquilo parou lá, ela perguntas alguns moradores da ilha, que acredita teriam vivido na época e que podem ajuda-lá. Obviamente a curiosidade a leva numa investigação um pouco dolorosa e profunda para saber quem eram aqueles personagens tão marcantes no diário de Esther.

Lógico, não posso deixar de mencionar, Jack, o homem que faz o coração de Emily bater um pouco mais forte em sua estadia na ilha.
IMG00188
A investigação de Emily a leva em uma parte de sua história que jamais soube e tão pouco alguém pareceu querer falar a ela. A jovem escritora precisa lidar com as novidades e saber entender o motivo de cada um para não lhe contar o acontecido.
As Violetas de Março é um livro profundo, bonito, poético, encantador, ele tem uma mistura de suspense e leveza, de drama e comédia que raros livros conseguem ter.
Sarah Jio soube escrever uma história onde o leitor junto com Emily investiga todo o mistério ao redor de Esther e Elliot.
O leitor ri, suspira, xinga, chora tudo junto com essa protagonista forte, inteligente e incrível. Não existe outras palavras para descrever Emily e toda sua história.
O diário que Emily acha, nos mostra que acreditar no amor e lutar por ele, não é algo banal, é algo nobre, uma luta diária que quando feita com cuidado pode sim gerar bons produtos independendo se fiquem juntos ou não.

Já faz três dias que terminei de ler o livro e ainda me vejo apaixonada por ele. As Violetas de Março tem uma história incrível que vale muito a pena estar na sua estante.

Hangout Sarah Jio:


Bônus:
As fotos do livro ficaram tão lindas que para não comprometer a resenha, deixei elas para o final, espero que curtam.
IMG00185
IMG00184
IMG00187

Resenhas legais para vocês curtirem também:

15 comentários :

  1. Amei sua resenha. O livro me tocou de uma forma absurda, achei a história maravilhosamente linda e adorei a forma como tu explicitou suas emoções na resenha.
    Adorei o hangout, foi bom saber como a autora se inspirou para escrever a história e como ela se sente em relação a ela :)

    Beijos,
    www.segredosentreamigas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Barbara, gostou mesmo? Eu tava meio emocionada ainsa e não tinha conseguido escrever a resenha bem...

      O Hagout foi bem legal! A Sarah é linda.

      Excluir
  2. Este parece ser um daqueles livros mais introspectivos e gosto disso. Todo esse clima de lembranças, de passado, me atrai. Mas confesso que, antes de saber do livro, nunca tinha nem ouvido falar na autora...
    Ah, as fotos ficaram lindas mesmo, Helana! Muito delicadas! ^^
    E, o que foi aquele vasinho com as sementes que recebemos com o livro? Lindinho demais, não?

    Um beijooo!
    Livro Lab

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline,
      eu também nunca tinha ouvido falar da autora, é a primeira vez.
      Gostei demais de As Violetas de Março, ele é gostoso de ler. A autora desenvolveu bem a história.
      Tu tens que ler, pois ele é muito bom.

      As fotoooosss gente eu amei ficaram tão lindas.
      Meu vasinho tá lá com as sementes plantadas, to esperando aparecer algum verdinho nelas.

      Excluir
  3. Oi Helana!
    As Violetas de Março é uma das minhas próximas leituras da Novo Conceito, saber que possui uma linguagem poética com pitadas de suspense e comédia me deixa muito animada em conhecer a história.
    Beijos... Elis Culceag.
    * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elis, sua linda! Eu amei demais As Violetas de Março!
      Espero que tu goste também

      Excluir
  4. eu acho que esse livro deve ser mt lindo *u*
    estou empolgada com ele, mas ainda não li

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leiiiaaa quero ler sua resenha dele.

      Excluir
  5. Olá *-*
    Esse é um dos livros que a NC enviou que eu mais estou com vontade ler, só com a sinopse eu fico me imaginando nessa situação sabe. (sou doida por diários e sempre quis encontrar um antigo ;x rs)
    Helena realmente essas fotos do livro ficaram incríveis *u*

    Beijos
    Pepper Lipstick

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Bia!
      É tudo de amor esse livro, é lindo, encantador, poético, tem que ler logo viu

      Excluir
  6. vi pelo face que você gosto mesmo deste livro! :P
    fiquei curiosa em ler depois de ver você elogiando tanto ele ;~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas ele é lindo demais..

      Sarah Jio virou minha querida.

      Excluir
  7. Eu amei esse livro, Lana! *-* Tão delicadinho e muito amor!! Achei incrível!! Só fiquei confusa com Bee... No começo diz que ela é tia-avó de Emily, mas não ficou claro a explicação... de QUEM ela era irmã? haha
    LINDAS as fotos! :D

    Beijocas!
    @mariapsalles

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, tão fiquei confusa sobre a Bee, se ela é tia-avó de deve ser irmã da mãe dela, certo? Ou irmão da avó dela, alguma coisa assim ._.

      Excluir
  8. Nhoom, eu achei esse livrinho tão lindo! Tão amor, super delicadinho! Só fiquei confusa com a Bee, tipo, Emily disse que ela era a tia-avó dela, mas não entendi de quem ela era irmã naquela confusão...
    Amei as fotos! *_*
    Beijocas!

    Jardim de Borboletas - @mariapsalles

    ResponderExcluir