Resenha: A Luz Através da Janela., Lucinda Riley

22 janeiro 2013

Oie amores, tudo bem?
Espero que sim!
Ufa!!! Pensei que não iria terminar de ler esse livro viu gente!
Estou passando por umas coisinhas delicadas em casa então a leitura ficou meio lenta. Mas o importante é que tudo deu certo e terminei.
Posso dizer para vocês que o livro é maravilhoso.

CAM00424A Luz Através da Janela - Conhecer seu passado é a chave para libertar seu futuro - Lucinda Riley

A Segunda Guerra Mundial deixou muitos destroços e segredos familiares principalmente na família de Emilie, os De La Martinières. Quando sua mãe faleceu, deixando o legado do château da família para ela, a única herdeira, Emilie fica devastada e quer vender tudo para que possa voltar à sua rotina comum de veterinária. Entretanto, Sebastian Carruthers aparece em sua vida para ajudá-la a cuidar de toda a documentação e a consola nos momentos mais difíceis. Emilie se apaixona pela sua gentileza e decide se casar com ele. Assim, ela se muda para a casa do marido, Blackmoor Hall, em Yorkshire. Contudo, a vida que ela, ingenuamente, pensa estar começando bem, trará a ela muitas surpresas e revelações do presente e do passado de toda uma geração.
Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581631141
Ano: 2012
Páginas: 544
Tradutor: Ivar Panazzolo Júnior

Emilie De La Martinières, faz parte de uma família muito importante e tradicional da França. Seu pai, Edóuard foi um homem muito respeitado e um grande colecionador de livros, já sua mãe gostava de se exibir para sociedade.
Quando sua mãe morre Emilie se vê em uma encruzilhada – ela nunca tive uma ligação forte com sua mãe e fica com raiva por ela ter partido.

A moça então é responsável por administrar toda a fortuna da família, já que é a única herdeira. Em primeiro momento Emilie pensa em vender tudo e se livrar o mais rápido possível dos bens que a faça lembrar de seu pai e sua mãe, porém quando ela vai para o interior ver como está o Château de seu pai, ela é consumida por uma saudades imensa dele, o que faz Emilie pensar se valeria a pena vender um lugar que ele tanto gostava e que ela tanto gosta.
CAM00425
Quem cuida do Château dos La Martinières é o velho senhor Jacques e seu filho Jean que trabalham na família a anos. Jacques conheceu muito bem toda família de Emilie, inclusive aqueles que acolheu como se fossem os La Martinières na época da guerra.
Depois que Emilie passa poucos dias no castelo, um homem muito bonito educado bate na porta de sua casa. Sebastian, dizendo a ela que é dono de uma galeria de arte e que estava interessado em comprar uma peça valiosa do local, e claro, falando a moça que eles tem uma ligação no passando, Constance.
É esse ponto, quando Sebastian chega na casa que Jacques começa a contar-lhe a história de sua família. Uma história bonita e tristonha, engraçada e deprimida, todos os sentimentos juntos ao mesmo tempo.
Lucinda Riley me impressionou muito em A Luz Através da Janela. Fiquei encantada com a história da família de Emilie, principalmente com a possível ligação que ela tem com Sebastian.
O livro em sua maior parte se passa nos anos de 1998/1999, mas quando Jacques começa a contar-lhe o passado este vem a toca em vários capítulos do livro. Relatando como era a vida de Edóuard, sua irmã cega Sophia e como Constance chegou a casa da família.

CAM00426
Esse foi o primeiro livro que li da autora e posso dizer a vocês que foi uma experiência maravilhosa. Os encantos da França e Londres deram um charme todo especial ao livro, imaginando como seria morar num lugar daqueles.

Os personagens foram muito bem escritos e estudados. Emilie é delicada, uma jovem cheia de vida que sente a necessidade de saber de seu passado. Seu pai Edóuard foi um homem muito corajoso, assim como Constance,só para citar alguns.

A Luz Através da Janela é lindo, poético, cheio de mistérios e romance. Um livro surpreendente, daqueles que quando você termina de ler, quer voltar as primeiras páginas e começar tudo de novo!
CAM00427

bannerpromocontos01

22 comentários :

  1. Amei a resenha! Já faz algum tempo que estou pensando em ler o livro, pois ele está fazendo muito sucesso entre meus amigos. Até agora não vi resenhas negativas dele. E eu costumo me interessar por esse tipo de assunto. Não irei ler agora, pois tenho vários livros me esperando, mas assim que possível, devorarei essa história.

    Beijos!
    Karol Araújo
    http://fa-clube-angels.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é ótimo, tem uma história muito interessante!

      Excluir
  2. muito boa sua resenha!
    quero ler ele, mas o tamanho dele me assusta :P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois que começa a ler nem lembra mais que o livro é grande :)

      Excluir
  3. Uauu, que bela resenha! :D
    Você me deixou louca para ler o livro!
    Ainda não li nenhum livro da autora, apesar de ter os dois aqui em casa... Preciso dar jeito nisso! :)
    Cheguei até aqui através do blog da Regiane... :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Angélica..
      Que bom que gostou da resenha fico muito feliz.
      Volte sempre viu!

      Excluir
  4. Oi, Helana.
    Faz tempo que esse livro está na minha listinha.
    Eu adoro histórias que tenham qualquer referência a guerra, então assim que li a sinopse fiquei interessada.
    Só preciso ler A Casa das orquídeas antes rsrs
    Beijinhos!
    http://fulanaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é continuação de A Casa das Orquídeas.. Nada a ver isso mais enfim HSAUAHSUAHSUAS, não li esse ainda.
      Lucinda Riley me impressionou!

      Excluir
  5. parece ser um livro bem legal e eu nem dava muito por ele

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é lindo Alice, vale a pena ler.

      Excluir
  6. Amei o nome dela, tão diferente! A história parecer ser muito inspiradora mesmo, e a capa, ah é linda <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é bem lindinho, gostei muito da escrita da Lucinda ♥

      Excluir
  7. Oi Helena! Gostei muito da sua resenha, me deixou bem curiosa pra ler o livro, rs
    Li o outro livro da Lucinda, "A Casa das Orquídeas", e gostei bastante. Por isso, desde o dia que chegou meu exemplar de "A Luz Através da Janela", eu estou aqui, doidinha pra ler o mais rápido possível!
    A autora escreve de um jeito maravilhoso mesmo. A gente nem percebe as páginas passando... É tudo tão delicado, tocante...
    Adorei conhecer seu blog! Uma graça! <3

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Amanda, obrigado!!!
      Vou ler A Casa das Orquídeas em breve. A escrita da Lucinda me deixou nas nuvens.

      É como falei a uma amiga, o libro é grosso, mas quando tu percebe já tá na metade
      .Seja bem vinda sempre.

      Excluir
  8. Oi Helana! Eu não li nenhum livro da autora, A Casa das Orquídeas foi bem elogiado, e este pelo visto também é muito bom. O cenário descrito é perfeito, eu lembrei daqueles romances antigos. Espero ler em breve. Parabéns pela resenha.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mas ele tem carinha de romance antigo, é perfeito.
      Leia Cida, talvez tu goste!

      Excluir
  9. Eu fiquei bem curiosa qnd li o primeiro capitulo. Gosto desses conflitos familiares e tal... adorei a resenha... com certeza me deu um bom empurrão para lê-lo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Raissa, pode ler logo!!!
      é um livro maravilhoso.
      Eu penei um pouco para terminar devido a uns problemas em casa, mas nada que me fez não curti-lo.

      Excluir
  10. Eu li A Casa é das Orquídeas da Lucinda e adorei a escrita dela. Esse livro parece tão interessante quanto o primeiro. Adorei sua resenha, e as fotos ficaram lindas...
    Fiquei curiosa :)

    Beijos,
    http://www.segredosentreamigas.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Barbara, tudo bem?
      Obrigado pelo carinho!
      Tenho que ler A Casa das Orquídeas, logo mais leio, agora que peguei um livro da Lucinda para ler quero os outros.
      Beijinhos

      Excluir
  11. Oi Helana!
    Ainda não conheço a escrita da autora, mas parece bem suave e romântica. Adorei as fotos com o vaso *-*
    Beijos... Elis Culceag.
    * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elis, acho que você ia gosta desse livro.
      Pelas resenhas que leio em seu blog ás vezes, ele é meio que seu estilo.
      Beijão.

      Excluir